Passo a passo para capacitar sua equipe através da universidade corporativa

É incontestável que a capacitação da equipe é fundamental para colher bons resultados. Desenvolver um ciclo de aprendizado contínuo solidifica a cultura da marca e perpetua as estratégias da empresa, além de evitar erros operacionais e performances ruins das equipes. E a universidade corporativa pode ajudá-lo nesse desafio.

Porém, todos também sabemos que nosso país possui um déficit considerável quando o assunto é capacitação de pessoas, não é mesmo?

E como esse fator está diretamente ligado a bons resultados corporativos, diversas empresas já se deram conta de que capacitar os colaboradores é a alternativa mais certeira nesse sentido.

Relembrando o que é a Educação Corporativa

Também chamada de UC, a universidade corporativa pode ser definida como uma instituição de ensino vinculada a uma empresa, seja esta pública, seja privada. Diferentemente da universidade tradicional, ela disponibiliza cursos mais específicos, ligados aos interesses da organização.

Um problema comum no mundo corporativo é que as universidades convencionais não conseguem atender às demandas reais e práticas do mercado de trabalho.

Cada companhia tem suas particularidades: trajeto histórico, valores, propósitos, expectativas para o futuro, processo produtivo, entre outros. Assim, quando começam a atuar em uma empresa, os profissionais não são capazes de suprir suas necessidades específicas.

Diante disso, o objetivo da UC não é substituir as instituições tradicionais, e sim oferecer um ensino complementar a elas, preenchendo essas lacunas. 

Passo a passo para capacitar sua equipe através da UC

Depois de conhecer todos esses benefícios que a UC proporciona, é difícil não querer colocá-la em prática na sua empresa o mais breve possível, certo? No entanto, é preciso fazer um bom planejamento prévio para garantir que esses resultados sejam, de fato, satisfatórios.

Por esse motivo, separamos a seguir algumas dicas para quem deseja estruturar uma universidade corporativa com foco na capacitação de equipes. Confira:

Identifique as demandas de capacitação

O primeiro passo é entender qual é o contexto do seu negócio e quais são as necessidades da companhia. Afinal, tudo deve ser projetado para suprir essa demanda.

Uma dica é se reunir com a alta liderança para levantar essas informações e, assim, estipular quais são as metas da UC, criando um plano de conteúdos que aborde os tópicos mais relevantes.

O RH pode ainda convidar a equipe de funcionários para conversar e discutir ideias nesse sentido.

Elabore uma metodologia adequada

A próxima etapa é definir qual será o escopo de atuação da universidade corporativa, bem como o seu público.

Ou seja, quais cargos, funções e processos serão contemplados. A partir daí, é preciso determinar a metodologia de ensino a ser aplicada.

Pesquise sobre os diferentes recursos para ensino de equipes e busque aquela mais adequada às características da sua empresa. Esse também é o momento ideal para estabelecer o que pode ser feito com instrutores internos e o que deve ser terceirizado.

Separe um tempo para organizar o processo de onboarding

Em algum momento, entrará novos colaboradores em sua empresa. Por isso, já é importante ter o processo de onboarding definido, onde a universidade corporativa esteja dentro do escopo.

Para saber mais sobre como você pode fazer isso de forma simples, clique aqui e confira um conteúdo especial do nosso blog sobre o assunto.

Defina a equipe responsável

Para que a universidade corporativa seja um sucesso, é essencial que todos os departamentos estejam alinhados e engajados no projeto.

Um mito é que só o RH deve participar da criação e manutenção da UC. As responsabilidades devem ser distribuídas entre todas as áreas envolvidas, como marketing, TI, financeiro, jurídico etc.

Invista em uma plataforma específica e personalizável

Utilizar uma plataforma on-line para criar a sua estratégia é a melhor opção. Afinal, esse formato proporciona mais flexibilidade aos colaboradores, que podem acessar as aulas quando e onde puderem.

Com uma Universidade Corporativa, você educa seus colaboradores de acordo com a realidade e as necessidades do seu negócio, ganhando em eficiência e inovação.

Universidades e cursos convencionais ensinam o conteúdo de uma forma mais geral, sem direcionamento, e utilizam casos e um cenário genérico, sem se preocupar com as especificidades de um determinado mercado.

Já uma Universidade Corporativa é totalmente voltada para as necessidades estratégicas de determinada empresa e possibilita que os gestores desta tenham um maior controle sobre todo conteúdo que será abordado, ensinando cada tópico de forma a atingir seus objetivos.

Como avaliar os resultados e saber que o investimento foi um sucesso?

Documentar e analisar o alcance dos programas de formação e desenvolvimento são tarefas cruciais para quem pretende continuar a capacitar os colaboradores.

Um dos maiores erros cometidos pelas organizações é aplicar a educação corporativa sem um planejamento adequado seguido de uma boa análise de resultados.

Após todo o treinamento oferecido ao colaborador, é preciso avaliar o quão proveitoso ele foi para o seu crescimento a fim de que a empresa possa corrigir possíveis falhas e investir onde mais precisa.

Neste momento, você pode buscar por casos de sucesso de quem já implantou este modelo de capacitação em sua empresa:

Por fim, não se esqueça de manter um canal de comunicação aberto com todos os envolvidos, pois os feedbacks também são essenciais para quem deseja atingir resultados cada vez melhores.

Como vimos, a universidade corporativa é altamente eficiente para capacitar os funcionários de maneira estratégica, fazendo com que eles realizem suas tarefas com mais eficácia e alcancem as metas organizacionais.

Continue acompanhando o novo blog da Plantar Educação para mais informações ricas sobre a educação corporativa e como ele pode ser uma vantagem para sua empresa em diversos aspectos!

Website | + posts

Matérias relacionadas